Cuidados com o Corpo Durante o Carnaval

Os cuidados com o corpo durante o Carnaval são essenciais, pois evitam problemas de saúde, como desidratação, intoxicações alimentares, insolações e alergias.

O Carnaval é uma festa que acontece no verão de nosso país, e, por isso, durante esse período, são comuns as altas temperaturas. Além disso, o aglomerado de pessoas nessas comemorações favorece que o ambiente torne-se mais quente. Não podemos nos esquecer ainda de que, durante o Carnaval, os foliões dançam bastante, e, com isso, há grande perda de suor. Também se observa uma grande ingestão de bebidas alcoólicas, as quais estão relacionadas com a inibição do hormônio antidiurético, aumentando, assim, a diurese (eliminação de urina).
Diante de tantos fatores que podem contribuir para a perda exagerada de água, é fundamental garantir uma hidratação correta para evitar desidratação. Recomenda-se, então, que seja feita a ingestão de grande quantidade de água e também de sucos naturais e de água de coco.

Cuidado com os alimentos

Durante o Carnaval, lembre-se de alimentar-se bem, entretanto, não se esqueça de ficar atento aos locais onde você vai comprar seus alimentos. Verifique sempre se o produto está com boa aparência e acondicionado de maneira correta. Verifique também os hábitos de higiene daquele que vende o produto e tenha atenção com a sua higiene, lembrando-se sempre de lavar as mãos antes de se alimentar. Além disso, não se esqueça de dar preferência a alimentos leves, evitando frituras e alimentos ricos em gordura.

Não abuse do álcool

Como todos sabemos, o consumo de álcool é comum nessas épocas do ano. Entretanto, é fundamental evitar excessos. Dentre os efeitos negativos em curto prazo do álcool, podemos citar: alteração do comportamento, conduta impulsiva que pode desencadear comportamentos de risco, perda de equilíbrio, redução da capacidade de reagir a algum estímulo, redução da coordenação motora, náuseas, vômito e dores de cabeça. Vale salientar ainda que, em doses muito altas, o álcool pode levar ao estado de coma.

Assim sendo, bebidas alcoólicas devem ser ingeridas com moderação. É importante frisar que a bebida diminui a capacidade da pessoa de reagir a diferentes estímulos e altera também a coordenação motora, portanto: se beber, não dirija.

Deixe uma mensagem